Para evitar o tédio das crianças em uma viagem de carro, separamos dez brincadeiras simples que podem ajudar a entreter a família.
1200x900 (11)

10 jogos legais para passar o tempo durante a viagem

As viagens de carro podem ser longas e cansativas, principalmente para as crianças, que tendem a ficar entediadas mais facilmente. Para facilitar a vida dos pais e evitar os constantes “Já chegamos? ”, separamos dez brincadeiras simples que podem ser feitas durante o trajeto.

800x600 (8)

São jogos que estimulam a imaginação e a memória, fortalecem os laços entre os pais e os filhos e, de quebra, fazem com que a viagem transcorra bem rápido. O mais importante, as atividades não precisam de preparação prévia e não têm nada que tire a atenção do motorista. Ou seja, segurança para todos.

1. A letra proibida ou A palavra proibida: este é bem explicado. No início da viagem, todos elegem uma letra ou uma palavra que não deve ser dita. Quem disser, sai da brincadeira. Selecionem um tema e comecem a conversar. Só não vale ficar calado!

2. Adedonha ou Stop: a brincadeira tem vários nomes dependendo da região do país, mas é bastante conhecida. Todos elegem uma categoria, como fruta, cor, nome ou partes do corpo. Em seguida, alguém elege uma letra. A cada vez, uma pessoa deve dizer uma palavra da categoria com a letra escolhida. Quem não conseguir, está fora.

3. Comendo um alfabeto: esta também é para crianças após a idade de alfabetização. Uma pessoa começa dizendo que comeu algo com a letra A, a próxima deve dizer uma comida com a letra B, e assim por diante. Ele também pode ser jogado com outras categorias: lugares que visitou, coisas com as quais sonhou…

4. Continuando a história: esta é para estimular a imaginação. Uma pessoa começa uma história com “Era uma vez…” e as próximas pessoas vão continuando, cada um em sua vez com uma frase. Nesse jogo, não há ganhadores, a intenção é deixar a mente fluir. Se quiser aumentar a dificuldade, leve a história para um rumo totalmente imprevisível e surpreenda a todos.

5. Adivinhe a música: esta brincadeira já deve ter feito parte da infância dos pais. Um jogador pensa em uma música e diz uma palavra que contenha na letra. Os outros devem adivinhar. Se souberem uma música com a palavra ganham um ponto, mas se adivinharem a música específica que o outro jogador pensou, ganham dois pontos.

6. Lista de compras: assim como a brincadeira da história, cada um fala um objeto de cada vez, mas deve lembrar todos os outros. Por exemplo: “Fui à feira e comprei uma banana”. O próximo jogador deve dizer: “Fui à feira e comprei uma banana e uma maçã”, e assim por diante. Desafie as crianças e faça com outras versões, por exemplo em um shopping, numa praia ou numa ilha deserta.

7. Quem sou eu: o jogo tem muitas variações, mas a mais comum delas é fazer com um limite de vinte perguntas. Uma pessoa pensa em uma celebridade ou um personagem de TV, de filme ou de quadrinhos. As outras devem fazer perguntas cujas respostas sejam apenas “sim” ou “não”. Quem acertar primeiro, ganha. Se passar de vinte perguntas, todos perdem.

8. Duas verdades e uma mentira: esta é bastante simples. Uma pessoa diz três frases sobre si.
As outras devem adivinhar qual das três é a mentira. Quem acertar, ganha um ponto.

9. Adivinhar formas nas nuvens: esta brincadeira não chega a ser uma competição, mas estimula a imaginação das crianças. O objetivo é procurar nuvens no céu com formas que lembrem alguma coisa. Podem ser frutas, animais, meios de transporte ou o que sua imaginação permitir.

10. Adivinhe a música primeiro: esta é para crianças um pouco mais velhas. Monte uma playlist de músicas e toque os primeiros segundos. Quem acertar o cantor ou o grupo mais rápido, ganha.

Apesar das dicas acima serem para crianças um pouco maiores, também existem técnicas para distrair os mais novinhos. Para os bebês, basta o leite e algum brinquedo preferido. Cantar as músicas preferidas dos pequenos também distrai.

Aproveite o momento da viagem para fortalecer o vínculo familiar: apresente suas músicas preferidas para as crianças, ensine a cantar junto, conte histórias da infância e da adolescência e desperte a curiosidade deles sobre as histórias de família.

O mais importante: lembre-se da segurança. Coloque o cinto de segurança e veja se as cadeirinhas ou boosters estão bem posicionados e imóveis. Como opção de lanches: prefira aqueles que são leves e saudáveis.

Se você pensou em todos esses aspectos da viagem, deixe que a Autotrac se preocupe com o resto. Com o Autotrac One Carro, além da melhor tecnologia de rastreadores, os usuários também têm acesso a serviços como Apoio à Vítima de Crime e Pronta Resposta Nacional para resgatar o carro em caso de roubo ou furto. Contrate agora e viaje tranquilo!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux